1 de setembro de 2019

SOLIDÁRIO

CIRES PEREIRA
Dê-lhe um livro
Içe dele, o torpor.

Dê-lhe um abraço
Adicione nele, expressão.

Dê-lhe ânimo
Sugue dele, prostração.

Dê-lhe atenção
Injete nele, a vida.

Não negligencie quem tem estado surpreso
Não ignore quem tem estado excluso

Nunca abdique de sua vocação gregária
Jamais permita que levem sua bondade.

Nenhum comentário: