REFORMA DA PREVIDÊNCIA 3 - 379 REFORMADORES

Pois é, vocês conseguiram!
Por alguns milhões em verbas e
Decisivos pra continuarem por aí
Trataram de encher as burras
do erário público às custas do “qualquer”.
Não os nominarei, seus inomináveis!
Mas são 379, isto sabemos!

Há neste vasto país
Uma casta que não perde
Uma casta que sempre ganha
Desta, pouco ou nada será subtraído
Continuará casta abastada.

Definitivamente vocês não são amadores
Sabem fingir de sonsos, mas na hora H
Golpeiam com precisão
Acionam suas arcadas bem cuidadas
Sangram os miseráveis.
Também não nominarei seus integrantes, sabemos quem eles são!

Mas, advirto, cuidado pra não matá-los
Vocês precisam dos votos deles pra
Continuarem por aí fingindo ser “do povo”
Vocês são sagazes, golpeiam e ferem
Não matam, é verdade!
Mas deixam suas presas inertes.

O “mercado” está exultante com vocês
Que seguiram à risca seu ditame
Usurários de todos os matizes
Continuarão por aqui pra surrupiarem
O trilhão do “Guedes”
Graças a vocês, seus espertinhos!

Ao miserável resta uma coisa
Esquecer a infinitude do tempo de trabalho
Até que a morte o leve, deixando o inferno pra trás.
Enfim, repousar nalgum canto do “seu” céu!

Comentários